25.3.11

Resumo de 2,5 dias em Frankfurt

Uma aterragem abortada (um piloto não descolou quando recebeu a ordem e por isso a nossa pista de aterragem ainda estava ocupada. - Idiota! Foi o nome que o piloto do nosso avião deu ao outro (em Alemão, mas é tão parecido que dá perfeitamente para compreender);

Dois dias de negociações intensas  (e, felizmente, multilaterais) com o ECB no dia em que ficámos sem Governo e no dia subsequente;

Sol e bom tempo. Andei sem casaco no tempo que tive livre;

Regresso em estado de exaustão. Felizmente o fim-de-semana está à porta.




3 comentários:

  1. Coisas que interessam sobre Frankfurt: foste visitar a Clarinha e a Heidi? Como está a menina Rottenmeyer? Sempre ranzinza? ;)

    ResponderExcluir
  2. Ritovskyta,
    A sério?! Sinceramente já lá estive 3 ou 4 vezes e não me consegue convencer. Será que ando distraída com qualquer coisa e não lhe capto a piada?? Confesso que esta foi a vez que mais gostei. Estava bom tempo e passear ao longo da água ajuda sempre.

    I.,
    Não... a Clarinha e a Heidi estavam muito ocupadas a fazer a mani/pedi (sim, porque as montanhas e as cabras já se acabaram. Venderam-se ao mundo consumista!)
    A menina Rottenmeyer está cada vez pior, tem 4 filhos e 5 amas e só se queixa. Nunca ve o marido e passa o tempo no Country Club. Não lhe falei!

    ResponderExcluir